O que achei sobre: Kimmy Toupeira

segunda-feira, março 30, 2015



Uma coisa que deu certo nesta última semana foi a campanha da Netflix com famosas e blogueiras estratégicas para falar dessa nova série, Unbreakable Kimmy Schimidt. Imagina, fui influenciada pelas pessoas certas.  E, adivinhem? Em 2 dias já tinha terminado de ver a série.

Senti necessidade de falar sobre a série porque foi algo que alegrou minha semana nos engarrafamentos, via no celular enquanto o ônibus estava parado. A conexão ajudou muito! Ponto para Netflix que tem uma nuvem acessível e leve. Fiquei feliz por acompanhar nessas horas que não dava nem para ler um livro,o que costumo fazer, porque a maioria das vezes estava em pé no ônibus! Segurar o celular eu me viro! E também quis falar para deixar o meu olhar sobre o sentido da série, as vezes entendia que estavam fazendo a propaganda errada, fui uma das pessoas que foi procurar para ver a série pensando que se tratava dos anos 90, e não é bem assim. Quando percebi que outras pessoas também entendiam dessa forma resolvi que iria virar post!

Sobre a série:

Ao contrário do que o povo que não viu a série vem comentando,  ela não se passa nos anos 90 ou a personagem Kimmy pensa que está nessa década,  não mesmo. Kimmy passou 15 anos de sua vida trancada em um bunker por um maluco que inventou uma ceita religiosa acreditando que o mundo iria acabar, por este motivo o apelido mulher toupeira. Após ser liberta Kimmy não possuía estudo e ainda a inocência de uma adolescente de 14 anos, o que vai nos garantir muitas risadas com suas trapalhadas agora descobrindo o mundo real com 29 anos e morando em uma grande cidade, New York.


No final: 

  • Garante boas risadas
  • 30 minutos por episódio faz querer ver sempre mais
  • Boas sacadas sobre os anos atuais e anos 90.
  • Exceto pelos dois últimos episódios que não me agradou pelo exagero de burrice que deram aos personagens.
  • Aguardando a segunda temporada para continuar acompanhando

Nota final 9,0

E aí, quem já viu? O que ouviram ou leram sobre a série? 



Vocêtambém pode gostar

0 comentários

Podem comentar, ainda não paga!! Beijo e um queijo!