O acesso à internet e às novas tecnologias é para todos?

segunda-feira, dezembro 10, 2012



Vivemos na Era Digital, como muitos costumam classificar. É neste contexto maravilhosamente cheio de novas tecnologias que facilitam a nossa vida em vários aspectos (acabei de descobrir hoje que  existe até aplicativo no celular repelente de mosquitos, sério!!!) em que todos deveriam ter no mínimo o DIREITO em acessar qualquer tipo de inovação tecnológica. Mas neste mesmo contexto, infelizmente, existe o INDIVÍDUO, ipsis litteris, preconceituoso e egoísta que acha que somente pessoas de um certo nível social e econômico devem utilizar tal tecnologia.

Se o Mundo está globalizado e todos interagem diariamente por redes sociais e mantém vários tipos de relações ( e neste momento falo de qualquer tipo de relação mesmo! Seja ela social, trabalhista ou amorosa!) por que só quem tem GRANA tem o direito de TER um celular bacana e ACESSAR a lojas online e comprar aplicativos ou um simples e-book? Por que a pessoa não pode ter o DIREITO  de RECLAMAR ou REIVINDICAR  por preços melhores também no ciberespaço? 

Pelo que eu conheço e vivo não é somente O POBRE que pede desconto e reclama dos preços inflacionários. O Sr. RICO também preza por seu VALIOSO dinheirinho e investimentos! Mas quando você entra numa nova ferramenta na internet, oferecida pelo GOOGLE que vende e-books e todo mundo está falando que os preços estão abusivos e de repente PAH! Uma porrada em minha cara ao ler um comentário dizendo que "Usuários da Apple não reclamam do preço dos e-books, que isso começou quando o Android popularizou o acesso a internet nos celulares e que hoje qualquer um com celular barato pode ter internet".Faça-me o favor!!


Que indignação eu tive. Que pessoa é essa que acha que o mundo é só dela? Que pessoa é essa que acha que pobre só pode ter acesso a Record, Globo e SBT? Aposto que é a mesma pessoa que reclama que a educação no país é falha (principalmente a dela!), que o país tem muita miséria e só sabem falar de carnaval e futebol. Ou não, talvez essa pessoa só se importe com ela mesma!

O que eu quero dizer é que falam tanto de democracia, que, principalmente, a internet é um espaço democrático onde todos tem espaço, mas sinceramente, não é isso que eu vejo. Se no mundo real, principalmente Brasil, demorou tanto tempo para ser democrático, ou para começarem a tentar ser de fato democrático, imagina aqui na internet que tudo é consideravelmente novo? 

Por favor, vivemos uma Era que preconceitos não tem vez! Mas aí temos que esbarrar com esses seres que se acham superiores na internet e que estão construindo aqui uma nova cultura de exclusão? Qual é? Eu não sou rica, não tenho nada da Apple, estou feliz com todos os aparelhos tecnológicos que tenho que não considero que sejam ruins só por não ter um label de ouro nele! Mas se tivesse dinheiro sobrando compraria da Apple sim, não pela marca e sim porque sei que a qualidade é ótima e funcionalidade também. E isso ainda é coisa de nível Brasil, né? Porque aqui as coisas são mais caras, as taxas de importação são absurdas, e os produtos que alguns consideram de rico aqui são mais do que comuns em outros lugares do mundo, incluindo para nossos vizinhas da Amárica do Sul. 

Eu sinto vergonha por essa pessoa achar que é melhor do que alguém e achar que tem o DIREITO de privar alguém em ter acesso as inovações. Feliz em perceber que hoje a maioria não pensa assim!

Vocêtambém pode gostar

0 comentários

Podem comentar, ainda não paga!! Beijo e um queijo!